top of page
  • Foto do escritorRedação

Subsecretaria de Saúde e Bem-Estar Animal de São Caetano aborda posse responsável com alunos



A Subsecretaria de Saúde e Bem-Estar Animal participou nesta quarta-feira (30/11) do projeto “Animais de Estimação", organizado pela EMEI Fortunato Ricci, para abordar posse responsável de animais e cuidados básicos com a saúde dos pets.

Os alunos de 4 e 5 anos também decidiram organizar uma campanha, intitulada por eles de “Os Vira-Latas”, para doação de produtos para cães e gatos, como ração, roupas, cobertores, coleiras, caixa de transporte, potes comedouros, entre outros.

Em uma roda de conversa, as veterinárias puderam conversar e interagir com aproximadamente 70 crianças e, ludicamente, ensinar que os animais são seres sencientes: sentem fome, sede, frio, dor. Que têm necessidades de passeios, de ir ao veterinário. “Contamos a história do Fred , que a antiga família deixou cair da escada quando ele tinha apenas 90 dias e, por negligência, não deram atendimento veterinário. Por falta desse socorro, o Fred ficou paraplégico. Mostramos que mesmo ele sendo paraplégico ele superou as dificuldades, hoje tem uma família, é muito bem cuidado, muito alegre e ama muito os seres humanos”, explicou a subsecretária de Saúde e Bem-Estar Animal, Alexandra Gimenez da Costa.

As crianças se encantaram com a história e interagiram com diversas perguntas e, principalmente, ficaram admiradas com o Fred, que corre mesmo usando somente as patinhas da frente. O objetivo da atividade foi possibilitar a aproximação e o contato saudável com os animais, estabelecendo as relações entre as espécies de seres vivos, (pessoas e animais domésticos) e os cuidados necessários, como a alimentação, a higiene e saúde e a afetividade.

“Mostramos para as crianças a responsabilidade da adoção, do cuidado e carinho com os animais e a importância de levá-los ao veterinário sempre que necessário”, destacou a veterinária Bianca Pechinin. Para a coordenadora pedagógica Karina de Cássia, o projeto contribui com a construção do conhecimento das crianças e a formação do sentimento de empatia: “De forma lúdica, as crianças desenvolvem a capacidade do cuidado e do amor ao próximo”.

As doações podem continuar sendo feitas na Emei Fortunato Ricci (Rua Oriente, 333), de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

Gisele Lopes (MTb 29.334)

30/11/2022

Fotos: Eric Romero/PMSCS

Commentaires


bottom of page