top of page
  • Foto do escritorRedação

Santo André realiza força-tarefa de consultas com proctologista




Ao todo, cerca de mil pessoas serão atendidas até o final do ano


Santo André, 19 de dezembro de 2022 - A Prefeitura de Santo André está realizando uma força-tarefa para normalizar as agendas de consultas com proctologista. A expectativa é que a ação, que teve início em novembro e ocorrerá até o final de dezembro, faça cerca de mil atendimentos previamente agendados.


O médico proctologista é responsável pela prevenção e diagnóstico de doenças que atingem o cólon, reto e ânus. Assim, cuida da saúde do paciente realizando, quando necessário, encaminhamento para exames de rotina e tratamento das doenças como infecção intestinal, hemorróidas e até mesmo o câncer colorretal.


Moradora da Vila Palmares, Aparecida Isabel Tavares de Melo, de 60 anos, teve sangramento em outubro e, após fazer acompanhamento em uma Unidade de Saúde, foi encaminhada para passar com proctologista na força-tarefa. “Fui chamada muito rápido. Todo processo não demorou dois meses. Estou me sentindo aliviada e feliz, porque se precisar fazer cirurgia, já faz logo”, comenta.


No caso de pacientes com quadro de câncer não há fila de espera e o paciente é encaminhado com prioridade. “O atendimento é sempre realizado com hora marcada. Os pacientes têm conforto e são atendidos por especialistas. Os que necessitam de cirurgia são encaminhados para fazer exames pré-operatórios e os que têm queixas mais simples e não precisam de acompanhamento rotineiro, são orientados, medicados e recebem alta”, explica a médica proctologista Sandra Boratto.


A ação acontece diariamente no Centro de Especialidades Médicas Joaquim Távora e conta com uma equipe de seis médicos.


“Nós seguimos todas as recomendações da Sociedade Brasileira de Endoscopia Digestiva, da Sociedade Brasileira de Coloproctologia e da Sociedade Americana de Coloproctologia para indicação de exames. Com isso, centralizamos os pedidos, fazendo com que os exames sejam feitos em intervalos recomendados pelas sociedades mais respeitadas do Brasil e também do mundo”, explica a médica proctologista.


| Texto: Rafaela Mazarin

| Fotos: Alex Cavanha/PSA

Comments


bottom of page