top of page
  • Foto do escritorRedação

Santo André inicia obras para transformar Praça Dr. Sérgio Cyrino da Silva em parque




Projeto conta com pista de skate, quadra poliesportiva, pista de caminhada, cancha de malha, espaço pet e muito mais

Santo André, 28 de junho de 2023 – Os fãs de skate terão um novo espaço em Santo André para praticar o esporte. A antiga Praça Dr. Sérgio Cyrino da Silva, na Vila Valparaíso, está em processo de transformação para virar parque e irá receber estrutura que contemplará não apenas praticantes desta modalidade, como também de outras.

O prefeito Paulo Serra assinou a ordem de serviço para início das obras nesta quarta-feira (28), atendendo a um antigo pedido da comunidade dos esportes radicais. Em 2018, a Prefeitura chegou a apresentar um projeto para a área, que passou por uma adaptação, realizada com participação e aval de uma comissão de skatistas.

A ordem de serviço foi assinada também pelo secretário de Infraestrutura e Serviços Urbanos, Vitor Mazetti Filho. Outro participante do evento foi o secretário de Meio Ambiente, Fabio Picarelli, já que o espaço ficará sob responsabilidade da pasta assim que terminada a obra. O vice-prefeito Luiz Zacarias e outras autoridades também marcaram presença.

“Estamos assinando aqui a transformação de uma praça em um parque, com tudo o que os demais parques da cidade têm. Espaços como esse fazem parte da qualidade de vida que a gente deseja para nossa cidade, para nosso morador e moradora”, destacou o prefeito Paulo Serra, que agradeceu a parceria com os skatistas no desenvolvimento do projeto. “Agradeço pela paciência e pela colaboração para a gente casar um projeto que cabe neste espaço e que vai complementar muito bem todos os outros equipamentos esportivos desta praça”, complementou.

“Essa obra é importante demais, porque aqui existe uma cena muito forte, Santo André é muito poderosa em nível de skate, tem muito nome. Então aqui merecia algo de nível alto. É uma glória, dá até vontade de chorar”, destacou o skatista andreense Maurício de Souza, 51 anos, que desde 1986 pratica o esporte e foi um dos participantes do desenvolvimento deste projeto no Parque Dr. Sérgio Cyrino da Silva. “Sugerimos fazer um projeto consistente e inovador. Essa pista segue uma linha mais flow, mais divertida, que abrange todo tipo de skatista, do mais profissional ao que está começando, então é uma pista atualizada. A ideia foi fazer algo que não existisse e acho que conseguimos chegar nesse padrão”, continuou.

Com suas experiências nestes 37 anos de skate, inclusive fora do país, Maurício e os colegas puderam influenciar na idealização de uma proposta moderna e exclusiva. “Peguei muitas ideias das pistas da Califórnia. Mesclamos o que já vivenciamos com o que já existe em um projeto único. A minirrampa vai ser mantida, porque faz parte da história da praça. A nova vai ser uma pista flow, cheia de obstáculos com transições e variações de tamanho entrando em uma área de street bem atual no que existe pelas pistas do mundo”, disse o skatista.

A nova pista de skate, com 992,61 metros quadrados, ficará ao lado da tradicional minirrampa que já existia no local. O parque ainda ganhará pista de caminhada, espaço pet, nova quadra poliesportiva, espaço pet e um parquinho revitalizado. Serão realizadas também as manutenções da academia ao ar livre e da cancha de malha, bem como a reformulação dos canteiros de vegetação – com plantio de novas espécies – e manejo arbóreo.

Todo o perímetro ainda receberá novo sistema de iluminação e câmeras de monitoramento, seguindo o padrão dos demais parques da cidade. O investimento total nessas intervenções será de quase R$ 4 milhões (R$ 3.938.516,33), custeados pelo próprio município.

“Tenho certeza que esse parque será transformado em mais um sucesso para a cidade de Santo André, assim como aconteceu lá no Parque do Guaraciaba. Nosso objetivo é que tenha mesmo nível de qualidade dos outros que a cidade conhece”, projetou o secretário de Meio Ambiente, Fabio Picarelli.

O prefeito Paulo Serra aproveitou a oportunidade para explicar que o Centro Olímpico de Skate que seria construído no local poderá ser viabilizado em outro espaço. “Não desistimos desse projeto, mas estamos trabalhando outros espaços”, finalizou. | Texto: Dérek Bittencourt | Fotos: Eduardo Merlino/PSA

Σχόλια


bottom of page