top of page
  • Foto do escritorRedação

Santo André começa a instalar painéis para captar energia solar

Cidade contará com complexo de usinas fotovoltaicas que resultarão em economia de conta de luz dos prédios públicos




Santo André, 27 de julho de 2023 - A Prefeitura de Santo André começou a instalar nesta quinta-feira (27) os painéis da usina fotovoltaica que está sendo construída na Avenida dos Estados. Os equipamentos serão responsáveis por captar energia solar, que posteriormente será transformada em eletricidade.

São ao todo 2.334 painéis, que estão sendo instalados em estruturas metálicas formadas por alço galvanizado e alumínio, distribuídas em 23 fileiras. Desde março deste ano, quando as obras da usina tiveram início, foram realizadas a limpeza e a terraplanagem do terreno, além da instalação das bases que sustentarão as placas fotovoltaicas.

O prefeito Paulo Serra vistoriou as obras da unidade nesta quinta-feira (27). “Esta usina é um grande exemplo de como a cidade pode usar seus recursos pensando em sustentabilidade e na qualidade de vida. É uma iniciativa pioneira e inovadora, que pode acarretar também em uma conta de energia mais barata para a população no futuro, por meio de uma redução da Contribuição de Iluminação Pública”, afirmou.

O parque solar planejado pela Prefeitura de Santo André, que será o maior complexo municipal de geração deste tipo de energia no país, prevê quatro usinas, que totalizarão 8.820 placas fotovoltaicas. Além da unidade da Avenida dos Estados, serão construídas as usinas José Marçon (Jardim Las Vegas), Espírito Santo (Cidade São Jorge) e Aterro Sanitário (Parque Gerassi).

A energia elétrica gerada no conjunto de usinas será disponibilizada para a Enel. Em troca, a concessionária vai fornecer para a cidade créditos que serão utilizados para reduzir o valor da conta de luz de prédios públicos.

A vida útil plena estimada para as usinas fotovoltaicas é de 30 anos. Os sete primeiros anos serão dedicados ao pagamento do investimento. Para os outros 23 anos a estimativa de economia da administração pública andreense é de R$ 138 milhões.

A área total das quatro unidades somadas será de 56 mil metros quadrados, enquanto a área de placas construídas será de 22.614 metros quadrados.

| Texto: Tiago Oliveira

imprensa@santoandre.sp.gov.br / 4433-0142

| Fotos: Eduardo Merlino | Vídeo: Renato Silva

bottom of page