• Redação

Santo André abre feira do Natal Solidário no Paço Municipal



Evento que visa ajudar 40 entidades assistenciais acontece até este domingo, das 12h às 21h

Santo André, 11 de dezembro de 2021 – O Fundo Social de Solidariedade de Santo André deu início neste sábado (11) à feira do Natal Solidário, que está sendo realizada no estacionamento do Paço Municipal. O evento será realizado também neste domingo (12). Nos dois dias, a feira acontece das 12h às 21h.

“Estar aqui mais uma vez no Natal Solidário, que foi pensado para ajudar quem mais precisa, depois de um momento tão difícil que a nossa cidade atravessou, me leva a agradecer todos os andreenses. Mais forte que o vírus é a solidariedade da nossa gente”, afirmou a primeira-dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade, Ana Carolina Barreto Serra.

A feira do Natal Solidário conta com a participação de 40 entidades que utilizarão a renda arrecadada para projetos das instituições. O público poderá conferir barracas, tendas gastronômicas, além dos beer trucks, brinquedos, espaço infantil, música ao vivo e diversas atrações.

A entrada será 2 kg de alimento não perecível. Durante o evento todos os protocolos sanitários serão cumpridos, inclusive a utilização obrigatória de máscaras. Esta é a primeira edição do Natal Solidário realizada depois da pandemia. A última feira foi realizada em dezembro de 2019.

“Essa feira não é apenas um evento que ajudará as 40 entidades que estão aqui, é muito mais do que isso. Tenho muita convicção que é o primeiro evento que sinaliza um ano de 2022 que será uma volta à vida, com responsabilidade e segurança. Teremos dias incríveis pela frente”, afirmou o prefeito Paulo Serra.

Os munícipes podem levar alimentos não perecíveis, brinquedos, panetones, balas e pirulitos, além de produtos de cama, mesa e banho, para ajudar famílias em situação de vulnerabilidade social.

A programação completa do Natal Solidário pode ser conferida no site www.natalsolidariosantoandre.com.br | Texto: Tiago Oliveira | Fotos: Alex Cavanha, Angelo Baima e Helber Aggio