top of page
  • Foto do escritorRedação

Prefeitura de Diadema avança nas melhorias no Hospital Municipal


Obras do 3º andar foram finalizadas e a próxima etapa será no 6º andar, onde está localizado o berçário. Hospital ganhou nova placa de identificação e serviços do térreo também passam por intervenções


A Prefeitura de Diadema concluiu mais uma etapa do Plano de Melhorias no Hospital Municipal de Diadema (HMD), com a finalização da pintura do 3º andar do serviço e manutenção corretiva e preventiva de banheiros e portas onde funciona o setor de internação para pacientes da clínica cirúrgica. Todos os bate- macas serão reformados e envernizados para reinstalação no local, a fim de garantir a absorção dos impactos e oferecer máxima proteção e conservação do ambiente.

Agora, a equipe de obras segue para o 6º e o 8º andares, que alocam o berçário e UTI neonatal e clínica médica de longa permanência, respectivamente. Serão realizadas intervenções como pintura, reparos em paredes e portas, manutenção hidráulica e elétrica, além de conserto e tratamento no piso.

“A gestão continua empenhada em conseguir recursos para a construção do novo hospital. Mas enquanto isto, estamos dedicados a melhorar o atual Hospital Municipal. Essa reforma vai muito além do pintar, estamos trabalhando com uma grande equipe composta por pintores, encanadores, pedreiros e engenheiros, para realizar toda manutenção necessária, principalmente nos andares mais críticos. Como diz nosso prefeito ninguém faz nada sozinho e seguimos no compromisso de melhorar nossa rede de saúde”, afirmou o secretário municipal da Saúde, José Antônio da Silva.

Para que o atendimento não fosse interrompido ou diminuísse sua capacidade durante as obras, os pacientes são remanejados dentro do próprio andar ou próximo a ele. Por isso, detalhes como cronograma de obras e tinta são pensados para garantir o bem estar das pessoas atendidas e funcionários. “Toda as tintas utilizadas atendem a legislação, que determina materiais para uso hospitalar, sem cheiro e com secagem rápida”, explica a diretora administrativa do HMD, Muriel Barbosa de Lima.

A maioria dos andares do Hospital Municipal terá a cor azul claro. Apenas setores como berçário, maternidade e centro obstétrico, que possuem relação com o cuidado mãe-bebê, receberão a cor salmão. A fisioterapeuta Cintia Barbosa de Oliveira Borenstain aprovou. “Fica um ambiente mais agradável, calmo para o paciente, ainda mais por essa cor. Parece mais aberto, maior e iluminado”.


Para a enfermeira Rosangela Cristina da Rocha Barreto, que está no HMD há 15 anos, o ambiente ficou mais bonito e organizado. “Você consegue trabalhar mais satisfeito e tranquilo. Depois do período de pandemia (pela covid-19), em que os sentimentos estão à flor da pele, isso já levanta o astral”, afirma.

Outra melhoria em andamento é a reorganização da equipe que responde pela limpeza da unidade hospitalar, com ampliação de mais seis funcionários.

Térreo

Paralelamente às obras nos andares superiores do prédio do HMD, o térreo, onde funciona o Pronto Socorro, também recebe melhorias. A sala de medicação recebeu manutenção e pintura e foi criada uma sala de espera para medicação, proporcionando mais conforto para os pacientes que aguardam o atendimento da enfermagem.

As duas salas vermelhas, que recebem pacientes mais críticos trazidos por ambulância, foram pintadas e readaptadas para trazer mais privacidade a quem passa pelos primeiros atendimentos.

Nesta semana, o Pronto Socorro passou a contar com um novo serviço: o sistema Tele-ECG, que trará mais agilidade e realizará exames de eletrocardiograma com laudo 24 horas. A iniciativa é fruto de parceria com a Fundação Adib Jatene – Instituto Dante Pazzanese e também está presente nos demais serviços de pronto atendimento da rede municipal.

Além disso, a pintura no setor de ortopedia está em andamento.

Comments


bottom of page