• Redação

Mauá anuncia vacinação a munícipes com 38 e 39 anos



Algumas unidades de saúde terão horário estendido para aplicação das doses


Após o sucesso da vacinação da faixa etária dos 40 anos ou mais, Mauá dá sequência à campanha contra a Covid com a abertura de dois novos públicos. Nesta quinta-feira (01/07), o município passa a imunizar munícipes com 39 anos. Na próxima terça-feira (06/07) será a vez daqueles com idade igual ou superior a 38 anos. A população estimada nestas duas faixas etárias é de cerca de 15 mil pessoas.


Segundo dados da Secretaria Municipal de Saúde, até esta terça-feira (29/06) Mauá tinha aplicado 199.973 vacinas – 156.252 direcionadas à primeira dose e 43.721 para a segunda.


A novidade nesta nova fase da campanha é a vacinação na UBS Vila Magini. A unidade de saúde terá horário estendido para aplicação das doses, passando a ser de segunda a sexta-feira, das 9h às 19h30.


As UBSs Flórida e Zaíra 2 também operam até as 19h30, mas somente nesta quinta e na próxima terça-feira, datas de abertura das novas faixas etárias. Nos demais dias, assim como no restante das unidades de saúde do município, o funcionamento para imunização é de segunda a sexta-feira, com novo horário – das 9h às 15h30.


O Ginásio Poliesportivo Celso Daniel volta a ser o único a vacinar no sistema drive-thru, abrindo também apenas no primeiro dia de cada grupo, no mesmo horário das UBSs. A entrada é pela Rua Vitorino Dell’Antonia, no estacionamento de funcionários da Prefeitura.


O pré-cadastro no site Vacina Já (vacinaja.sp.gov.br) é obrigatório, pois agiliza o atendimento. Somente serão imunizados os residentes no município (o comprovante precisa estar em nome do morador). Todos devem apresentar CPF e documento com foto (CNH ou RG) para receber a dose.


Munícipes com 35 anos ou mais já podem se cadastrar para a xepa da vacina nas UBSs. Para participar é preciso morar em Mauá. Apresente comprovante de endereço no próprio nome, RG e documento com foto (CNH ou CPF) na unidade de saúde mais próxima de sua residência. Não se trata de agendamento, mas de inscrição para receber o imunizante quando houver sobra de doses. O usuário é avisado por telefone.


É possível ajudar a combater a fome em Mauá ao se imunizar. Doe qualquer alimento da cesta básica para a campanha 'Mauá na luta contra a fome' no dia em que for tomar a vacina na unidade de saúde ou drive-thru. Não é obrigatório, mas ajudará muito a quem não tem o mínimo para colocar na mesa.


A Prefeitura de Mauá reforça o pedido às pessoas ficarem em casa na medida do possível. Caso realmente precisem sair, cuidem-se. Usem corretamente a máscara, mantenham a higiene das mãos frequentemente e o distanciamento físico. Evitem aglomerações.